terça-feira, 12 de novembro de 2013

Dor Maior




Perdi a minha luminosa Lua...
Perdi o meu fascinante Sol...
Perdi as minhas doces Estrelas...
Fiquei na completa escuridão...
Mas ficou a sua bela luz
que na lembrança, ela reluz...
Ficou o sonho de encontrá-la!
Por vida nesse retrato de amor...
Pintados com as cores da eternidade!
Onde a saudade se veste da esperança...
Perdi algo gostoso que não machucou,
está aí, a causa de ser a dor maior!


Mario Macedo de Almeida