segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Encontro





É hora de se encontrar...
É a ocasião de saborear...
Matar a nossa saudade
E mergulhar na nossa felicidade!
Nossos olhos fervem
Pela nossa nudez!
Nossos corpos tremem
De legítimo prazer!
E o gemido vem...
E nossos corações
Dizem amem...
O universo suspira
E compassivo nos admira...
Apaixonados nós nos possuímos...
Nossos corpos se reconhecem...
Eles em sintonia se unem!
Eles se consomem...
Nós nos engolimos
E por fim nos realizamos…
E alienados gritamos!
E não paramos…
Estamos entrelaçados!
Mais uma vez
Nós nos devoramos
Em busca do mais incrível…
E conseguimos o inevitável,
Gozar com a nossa alma...


Mario Macedo de Almeida